Como administrar uma pequena empresa em Saltinho em 10 passos

Administrar uma empresa em Saltinho não é fácil, independentemente do tamanho que ela possui no momento e saber como administrar uma pequena empresa é essencial. São muitos detalhes e nuances que podem fazer a diferença entre ter ou não sucesso em seu meio. Toda empresa precisa manter hábitos saudáveis, para que seus processos sejam realizados da melhor maneira possível. É indispensável ser profissional e ter foco na melhoria contínua. Quem não estiver atento a isso, estará fadado ao fracasso e ao encerramento das atividades.

Administrar bem é saber planejar suas ações, organizar atividades, coordenar e controlar toda sua gama de recursos, distribuindo-os da melhor forma possível, no momento adequado, para os departamentos de destino, com todos os requisitos propostos. É saber agradar seu cliente e atender as suas necessidades, de forma a obter os melhores resultados financeiros, logísticos, operacionais e muito mais, ficando apto a concorrer com qualquer outra empresa ou companhia do ramo, sem medo de fazer feio.

Para conseguir tudo isso, é preciso um método. E você não precisa de grandes livros ou inúmeros volumes para aprender como. Quer descobrir como administrar uma pequena empresa em 10 passos? Confira no post a seguir:

Desperte o empreendedor que existe em você

O empreendedor em Saltinho é acima de tudo um sonhador, uma pessoa que desperta em si a energia e assume o trabalho necessário para vencer no meio em que competirá. Quando você entrar de cabeça no ramo, precisa deixar o seu lado empreendedor vir à tona. Você é o responsável pela empresa e precisa assumir o posto com todos seus encargos e seu ônus. Tenha uma visão ampla, holística e sem conceitos preconcebidos.

Leia bastante, procure bons blogs sobre o seu setor. Revistas e livros são ótimos também! A grande vantagem dos blogs é manter-se sempre atualizado com as tendências do mercado.

Além de seguir blogs específicos do seu setor, acompanhe blogs sobre gestão empresarial. Todos eles tendem a lhe dar dicas sobre gestão financeira, gestão de estoque, vendas, RH etc. O empreendedor deve saber um pouco de cada coisa, pois muitas vezes na pequena empresa ele desempenha diversas funções ao mesmo tempo.

Faça o planejamento estratégico de sua empresa e defina metas

É indispensável fazer um planejamento estratégico para qualquer negócio ter sucesso. É através dele que você vai atingir o propósito ou alvo que determinou em um certo período de tempo, visando uma situação melhor. Eles devem surgir da análise de oportunidades e recursos feitos de maneira centrada e realista, fugindo de desejos ou números inatingíveis. Eles devem derivar da missão e da visão da organização com finalidades e caráter mais específicos e então orientarão as ações com maior precisão.

Defina as metas que você quer atingir neste ano e divida elas em metas menores. Por exemplo, se você quer vender R$ 500.000,00 este ano, você deverá vender R$ R$ 42.000,00 por mês. Desta forma, você deverá vender, por dia útil (levando em consideração que temos 22 dias úteis no mês) R$ 1.900,00.

Trata-se de uma meta possível? Quantos vendedores você tem na sua empresa hoje? Tudo influencia na hora de definir as metas. Seu ticket médio, o número de vendedores etc. Se você tem um ticket médio alto e 10 vendedores, é bem possível de alcançar uma venda de R$ 1.900 diariamente, já, na maioria das pequenas empresas, uma meta desta seria muito ousada.

Comece com metas menores e vá aumentando elas gradativamente. Funciona muito bem!

Adote um sistema de gestão

A tecnologia é uma realidade em nosso mundo e usá-la a seu favor é uma atitude extremamente inteligente. Desenvolver um sistema de gestão é essencial para colocar seu planejamento em prática e obter os melhores resultados no caminho árduo de saber como administrar uma pequena empresa. Entre suas várias funcionalidades, existem algumas que permitem ao usuário o gerenciamento perfeito de pagamentos e recebimentos, CRM (Gestão de Relacionamento com o Cliente), o registro com informações gerais do cliente, de extratos e movimentações, a emissão de notas fiscais e o controle de estoque. Procure por um sistema simples de usar e que foi feito para facilitar o trabalho de empreendedores, integrando os sistemas financeiros, de estoque, de vendas e de compras. Vai ser um diferencial tremendo em seu negócio. Que tal experimentar o QuantoSobra? 🙂

Crie um plano de comunicação interna

Sua empresa em Saltinho não funciona sozinha. Ela precisa de integração e comunicação eficaz entre os colaboradores e funcionários. São muitos os níveis como isso pode ser elaborado, mas o indispensável é ter clareza nesse processo para que não ocorram falhas.

E isso vale, tanto para as grandes quanto para as pequenas empresas. Boa parte dos problemas ocorre justamente porque as pessoas não conseguem dizer o que elas realmente querem. É preciso adotar os métodos certos para quem as mensagens cheguem de forma segura a quem for de direito.

Em uma pequena empresa, colocar um quadro na sala de reuniões ou na cozinha pode funcionar muito bem. Um vidro para escrever com caneta nas áreas comuns onde os empregados passam também ajuda bastante! Ainda, use o email! Envie emails com as decisões resumidas e as diretrizes adotadas pela empresa.

Caso você trabalhe com equipes remotas, uma boa dica é usar o Slack.

Desenvolva seu plano de marketing

O plano de marketing é essencial para qualquer negócio ter sucesso. É ele que vai imprimir as ações e atuações no mercado que possibilitarão a melhor captação de clientes, o aumento de vendas e, consequentemente, dos lucros. É preciso lembrar sempre, que o mercado vive em constante mudança, o que pede análise ininterrupta, para predispor mudanças e antecipar-se a tendências. Conhecendo seu público e sua área, será mais fácil traçar o perfil do seu cliente e tomar decisões mais elaboradas quanto a suas metas, objetivos, ações de propaganda, divulgação, preços, logística, produtos, serviços e muito mais. Ou seja, é um método eficaz de promover as ações necessárias para a satisfação do seu cliente e o sucesso da sua empresa.

Não dá para se acomodar onde você estiver. Mesmo que bons resultados estejam surgindo, é preciso inovar nos seus produtos e serviços, bem como nos processos e métodos da sua empresa. Você deve sempre ouvir o mercado — muitas vezes até a concorrência — bem como atualizar quanto as novidades da sua área e até com as pesquisas. Isso vai aumentar a competitividade e deixar sua empresa muito mais forte.

Controle o desempenho

Um bom gestor precisa ter amplo controle do desempenho do seu negócio e dos seus colaboradores. A criação de indicadores e sua análise constante são essenciais para garantir uma excelente gestão. Faça reuniões com regularidade, ouça os líderes das equipes e os funcionários mais abaixo na escala. Todos são importantes e têm como contribuir. Contemple as áreas da forma mais holística possível e veja como isso vai contribuir para uma visão ampla do que está acontecendo em termos de desempenho.

Tenha métricas de todas as áreas, vendas, finanças, RH, estoque, clientes. Saiba quanto você vendeu, saiba seu ponto de equilíbrio, a inadimplência, sua relação de metas e quais estão sendo alcançadas e quais estão sendo superadas, reveja as metas, conheça seu giro de estoque e a satisfação dos seus clientes.

Não descuide das finanças

Todo negócio precisa ter lucro, não é verdade? E para isso é indispensável ficar de olho no fluxo de caixa. Tenha sempre um bom planejamento orçamentário e procure antecipar receitas e despesas. Essa é uma boa maneira de assegurar que você terá recursos disponíveis para os itens básicos como pagamentos de funcionários e fornecedores, e também, poderá mostrar o quanto você poderá investir em equipamentos, serviços, treinamentos, logística e muito mais.

Você pode ler mais sobre finanças nos posts do nosso blog: Tudo o que você precisa saber sobre fluxo de caixa e Redução de custos não é o bicho de sete cabeças. Confira estas 4 dicas!

Promova a qualidade de vida

Adotar ações que garantam o bem estar dos seus funcionários é fundamental para manter as equipes satisfeitas e a produtividade em alta. Além dos benefícios exigidos pela legislação, procure investir em conforto, áreas de convivência e até confraternizações esporádicas. Criar um local mais participativo e integrado pode ser primordial para deixar a motivação sempre do jeito que se espera.

Invista em responsabilidade social e ambiental

Esse é o momento. Mais do que nunca, toda empresa que demonstra responsabilidade ambiental e social tem um diferencial perante seus clientes. Incentive o uso controlado de energia elétrica, água e papel, bem como, o descarte consciente de lixo para reciclagem. Procure também ligar seu nome a ações sociais. Além de melhorar sua imagem, isso pode trazer diversas economias e proporcionar um marketing despretensioso, mas muito eficiente.

Esses são os passos essenciais para administrar uma empresa e ser bem sucedido. São atitudes muitas vezes simples, mas que farão a diferença e poderão conduzir você e seu empreendimento rumo ao sucesso. Adote-as e sinta a diferença!

Fonte: blog.quantosobra.com.br

Calegari Contabilidade

Contabilidade em Saltinho

Aproveite as crises para promover melhorias na empresa


contabilidadeSeja a diferença em Saltinho no momento de crise.

Quando algo vai mal na empresa, para muitos, o instinto inicial é manter as coisas sob os panos o máximo possível, para evitar desesperos na equipe. Eu diria que é melhor reconhecer a crise e usá-la em vantagem própria.

É difícil trazer mudanças para uma organização, e um momento de crise é perfeito para fazer aqueles ajustes que há um tempo já eram necessários. Uma crise pode criar o cenário e o contexto ideais para fazer isso.

Talvez você esteja no meio de uma crise financeira, provocada por um ambiente hostil para investimento. Talvez você esteja vivendo um tumulto na sua gestão. Talvez você tenha perdido seu maior cliente. Talvez você esteja sendo massacrado por uma notícia falsa na imprensa. Não importa muito a causa da sua crise, o importante é saber que todas podem ser resolvidas com alguma mudança.

Já vi uma empresa do meu portfólio reagir a uma crise financeira fazendo mudanças importantes consideráveis e já atrasadas em seu modelo de negócios e organização. A crise acabou, e a empresa emergiu com bem mais força que antes.

Já vi um empreendedor reagir à perda de vários membros importantes da equipe com uma grande virada na empresa, pivotando o roadmap do produto e operando com um time bem mais enxuto. A companhia se recuperou da perda de seus colaboradores-chave, lançou um novo produto muito bem-sucedido e entrou num caminho de lucros extraorinários.

Tenho muito dessas histórias para contar, porque é a crise que nos traz clareza e foco. Por isso, se você está no meio de uma crise com sua empresa neste momento, pense em usá-la como oportunidade para fazer algumas mudanças. Nunca houve um momento tão propício.

Fonte: www.sebrae.com.br

Calegari Contabilidade

Contabilidade em Saltinho

Como se forma um Empreendedor de Sucesso – 7 Princípios


Como se forma um Empreendedor de Sucesso em Saltinho

contabilidadeAtingir a prosperidade ao iniciar um empreendimento próprio é o sonho de todos aqueles que decidem se tornar donos de seu destino profissional.

No entanto, para se tornar um empreendedor de sucesso é preciso muito mais que apenas trabalho duro.

Empreender é uma atividade de risco, com boas chances de sucesso, mas enormes possibilidades de fracasso, caso o novo empresário não se atente a técnicas que podem trazer prosperidade à sua empreitada.

Para tentar mostrar aos que se aventuram em se tornar um empreendedor de sucesso, fomos em busca de dicas e conselhos de especialistas no tema.

Vale ressaltar que não há regra para conquistar o sucesso empreendendo. Exitem 1001 formas.

O que buscamos demonstrar aqui são os principais pontos que os empreendedores de sucesso tem em comum.

 

Pesquise a ideia a fundo antes de empreender

Os motivos que levam uma pessoa a se tornar um empreendedor são os mais diversos, saindo desde um sonho de infância até o desemprego, que os obrigam a buscar outras formas de remuneração diante da dificuldade em encontrar uma nova ocupação.

A baixa qualificação de muitos empreendedores, aliás, pode representar um entrave aos que buscam o sucesso em seus negócios próprios.

Para solucionar este problema, a recomendação dos especialistas é que os empreendedores buscam qualificação, seja por meio de cursos, leituras especializadas ou conversas com especialistas na área ou até outros empreendedores que já superaram as dificuldades típicas da abertura de um negócio.

Se diferencie em Saltinho

Ter uma boa ideia não é o suficiente para se tornar um empreendedor de sucesso.

Para sobreviver a um ambiente altamente corporativo, o ideal é que o jovem empresário busque desenvolver mecanismos de diferenciação.

Se destaque em seu meio de negócios, trazendo novas alternativas para seu produto, seja por meio de promoções, novos conteúdos ou uma boa propaganda. Inove para sair na frente.

Invista em um plano de negócios

Formatar um bom empreendimento em si pode não ser muito simples, mas com a utilização do plano de negócios a tarefa pode se tornar mais fácil.

Neste momento, o empreendedor deve colocar suas ideias no papel, abordando tudo que se relacione ao negócio, desde dificuldades para a implementação da ideia até sugestões de divulgação.

Para desenhar o plano de negócios existem boas ferramentas disponíveis online.

Uma delas é o Canvas. Ali é possível utilizar post-its virtuais, destacando pontos a fortalecer ou investir para ampliar o sucesso da empreitada.

Verifique o tempo de vida útil de sua ideia          

Quando temos uma boa ideia, seja por necessidade ou simplesmente um sonho antigo, não costumamos nos demorar na análise da vida útil que a solução desenhada por nós terá e sua capacidade de sustentar no mercado após o fim do boom em busca da solução inventada por você.

Para se tornar um empreendedor de sucesso é necessário identificar o tempo certo entre a maturação de sua ideia e a viabilidade do negócio.

O ideal é não demorar tanto para coloca-la em prática, a ponto de que outro empreendedor apresente uma solução mais interessante que a sua, mas não se apressar tanto que você entregue uma solução incompleta e repleta de falhas.

Busque o meio tempo entre estes dois períodos, e avalie sempre se sua ideia ainda possui espaço no mercado, e como fazer para torna-la mais relevante que as soluções semelhantes oferecidas por concorrentes.

Busque atividades que lhe dão prazer

Se tornar dono de seu próprio negócio, por si só, já é algo extremamente estressante e que consumirá boa parte de seu tempo.

Então, para tornar o trabalho mais prazeroso, o recomendado por especialistas é que você escolha um negócio que lhe agrada.

Caso sua atividade preferida não se encaixa exatamente em seu negócio, desenvolva soluções relacionadas à sua atividade preferida, de forma a aliar trabalho e prazer.

Além disso, ao escolher empreender em um setor que domina, aumentam suas chances de oferecer um serviço de maior qualidade a seus clientes.

Faça uma autoanálise crítica

Empreender, sobretudo por meio de uma ideia que se gosta pode gerar a falsa ideia de que você domina aquele assunto ou é o melhor profissional da área.

Para evitar cair na armadilha do ego e facilitar sua conversão em um empreendedor de sucesso, é fundamental a realização de uma autoanálise crítica.

Mesmo que seu negócio esteja vivendo um bom momento, o ideal é não se deixar ofuscar pela empolgação do sucesso e avaliar quais seus pontos fortes e fracos.

Trace estratégias que mantenham sua empresa entre as companhias de sucesso e cuide sempre da rentabilidade do negócio.

Mantenha sempre os pés no chão para conseguir solucionar problemas que, começam pequenos, mas ganham força em momentos para os quais não estamos prontos.

Busque conselhos de especialistas

Empreender é, antes de tudo, iniciar um negócio sozinho. Você arca com os bônus e os ônus de construir uma empresa rentável do nada.

Então, para aliviar a pressão e compartilhar suas dúvidas e angústias, busque o conselho de outros empresários.

Procure ainda uma mentoria, com a ajuda de empresas especializadas ou centros de capacitação a pequenos empresários.

Empreender é para poucos, mas para se tornar um empreendedor de sucesso é necessário um trabalho ainda maior.

Sangue, suor, lágrimas e uma ideia inovadora balizam o dia-a-dia dos que constroem um novo império sozinhos.

Fonte: oempreendedorinteligente.com

Calegari Contabilidade

Contabilidade em Saltinho

14 hábitos diários das pessoas bem sucedidas em Saltinho

Reunimos os 14 hábitos diários das pessoas bem sucedidas e porque elas os mantêm. Curioso para saber quais são? Confira a seguir!

Para você o que significa ser bem-sucedido? Muitas pessoas acreditam que o sucesso é algo que se nasce predestinado a ter ou é um lugar imutável em que é fácil alcançar e difícil perder a posição.

Na verdade, cada indivíduo possui uma ideia própria do que é sucesso. Para umas é a fama, para outras o dinheiro, já para um terceiro grupo, o poder. Independentemente de qual seja a sua definição, chegar ao sucesso envolve trabalho duro e decisões inteligentes.

Pensando nisso, reunimos os 14 hábitos diários das pessoas bem sucedidas e porque elas os mantêm. Curioso para saber quais são? Confira a seguir!

1. Elas aproveitam as manhãs

Desenvolver uma rotina matinal saudável dá ao seu corpo e mente a energia necessária para aguentar tudo o que virá ao longo do dia.

Dentre os principais hábitos diários das pessoas bem sucedidas, listados pela Business Insider, estão: tomar um bom café da manhã, planejar o dia, meditar, fazer atividades físicas, e, principalmente, levantar cedo.

Tom Corley, consultor financeiro e escritor, reuniu em seu livro os principais hábitos diários de 233 milionários, e quase a metade deles acordava pelo menos três horas antes de começar a trabalhar. Isso garantia um melhor aproveitamento da manhã para lidar com projetos pessoais e passar mais tempo com a família.

2. Elas criam metas para o dia

Destinar pelo menos 15 minutos pela manhã ou antes de dormir para planejar as suas atividades diárias e criar metas sobre o que deseja realizar, te dará um controle muito maior sobre o que está acontecendo na sua vida.

Muitas vezes focamos apenas no futuro e esquecemos que são as atitudes diárias que conduzirão o caminho para o sucesso.

3. Elas exercitam o corpo e a mente

Fazer exercícios físicos é uma dos hábitos diários das pessoas bem sucedidas mais acessíveis e eficientes.

O fundador do Twitter, Jack Dorsey, por exemplo, inicia seu dia com uma corrida de 10 km. No entanto, apenas 20 minutos de caminhada diária podem melhorar a oxigenação do cérebro, reduzir o risco de doenças cardiovasculares e diminuir o estresse.

Esse exercício vale também para a mente. A meditação, por exemplo, é capaz de aliviar a ansiedade, prevenir a depressão e melhorar sua capacidade de focar naquilo que é importante, em vez de perder tempo e energia com o que não é relevante.

4. Elas se policiam

Ser bem-sucedido também está relacionada a ter inteligência emocional. E para isso é preciso ser líder de si mesmo. Ou seja: assumir a responsabilidade por seus pensamentos e atitudes e saber controlá-los.

Então, no dia a dia, observe quais são seus comportamentos mais nocivos: arrogância, preguiça, falta de motivação, medo de falhar e assim por diante. E se for preciso, escreva-os em um papel que esteja sempre visível.

Identificar essas características vai te ajudar a acelerar o processo de mudança — que começa internamente e reflete em sua ações. Com o tempo, vai ser muito mais fácil tomar decisões mais acertadas e reconhecer quais caminhos e atitudes te conduzirão ao sucesso.

5. Elas mantêm um mindset campeão

Manter uma mentalidade de vencedor não é apenas mais um dos hábitos das pessoas bem sucedidas, é um estilo de vida. Elas sabem quem são, conhecem suas forças e fraquezas e acreditam no seu potencial.

O maior medalhista olímpico de todos os tempos, Michael Phelps, por exemplo, sempre antes de entrar na piscina, cheira o ar, prova a água e visualiza ganhando a competição. Esse hábito estranho tem para ele o intuito de criar uma imagem vitoriosa de si próprio e motivar o seu cérebro a fazer o mesmo.

6. Elas não procrastinam

O dinheiro não é o único recurso importante para as pessoas bem-sucedidas, o tempo também é fundamental. Por isso no seu dia a dia, dificilmente, você as verá perdendo horas no Instagram ou assistindo todo o catálogo de filmes da Netflix.

Elas investem seu tempo em tarefas que agreguem valor e as ajude a conquistar seus objetivos; bloqueiam as distrações; testam novos métodos de produtividade pessoal — como GTD, SMART e Pomodoro — e nunca deixam nada para amanhã.

Isso envolve também ser proativo — não apenas ao cumprir uma lista de tarefas, mas ao assumir as rédeas da própria vida. Em vez de ficar a mercê dos acontecimentos, elas vivem ativamente, sem se deixar abater pelos contratempos.

7. Elas trabalham duro

Para o palestrante motivacional Mike Lipkin a vida é como uma competição de elite, em que antes de realmente poder competir você precisa se qualificar. Até mesmo atletas de elite precisam de treinamento diário para se manter no topo. Serena Williams, por exemplo, acorda todos os dias às 6h da manhã para praticar tênis.

O auto-aperfeiçoamento deve ser parte da sua rotina, independentemente das suas conquistas. Então, mesmo que você já tenha concluído uma graduação ou já tenha dezenas de especializações nunca deixe de se qualificar.

Além de ser uma exigência do mercado de trabalho, que está sempre em transição, também é uma maneira de desenvolver quem você é.

8. Elas ajudam

Uma das características mais notáveis de pessoas bem-sucedidas é a gratidão. Em vez de monopolizar a felicidade e ter medo de que outro roube o seu lugar, elas compartilham conhecimento e ajudam aqueles os quais cruzam seu caminho.

Baseado nisso, faça com que ajudar o outro seja um hábito diário, principalmente no seu ambiente de trabalho. Um feedback positivo, uma informação compartilhada ou a divisão de uma tarefa podem tornar o dia do outro muito melhor e o seu valor como profissional, e como pessoa, ainda maior.

9. Elas aprendem algo novo

Um simples artigo na internet, uma conversa com outro profissional ou um curso em uma área totalmente diferente da que você trabalha, podem trazer um novo ponto de vista ou uma ideia para algo que você busca há anos.

Bill Gates, por exemplo, lê por uma hora todos os dias antes de dormir. Por isso, torne o aprendizado um hábito diário.

10. Elas se comunicam

Imagine por um segundo a figura de um líder. Provavelmente você terá a visão de alguém discursando, ensinando e inspirando pessoas ao seu redor, não é? Essa imagem também é a que pessoas bem-sucedidas passam, principalmente, por meio da comunicação.

Saber colocar o seu ponto de vista, usar uma linguagem e tom de voz adequados e estar pronto para passar uma mensagem adiante é uma forma de transformar para melhor o ambiente em que você vive, além de conquistar objetivos mais facilmente.

11. Elas ouvem

Assim como é importante se comunicar, quem deseja ser bem-sucedido também deve estar disposto a ouvir. Muitos profissionais que já chegaram ao topo consideram essa habilidade uma das mais importantes para se diferenciar. Especialmente na era digital, em que todos têm sempre algo a dizer.

A partir de hoje, assim que iniciar uma conversa escute as pessoas. Deixe-as saber que você se interessa e considera as suas opiniões. Mesmo que tenham idades, condições socioeconômicas e ideias muito diferentes da suas.

Ouvir e deixar outras pessoas falarem é fundamental para o sucesso — na vida, nos negócios e, principalmente, nos relacionamentos interpessoais.

12. Elas admitem erros

Quando erramos é comum nos culparmos e perdemos horas nos lamentando. Errar é parte do aprendizado, até mesmo das pessoas bem-sucedidas. O que elas fazem com esses erros é o que as diferenciam.

Ao invés de se lamentar, elas admitem as falhas, fazem perguntas e buscam respostas. E, a partir daí, melhoram seus resultados e métodos para evitar cometer novos erros no futuro.

13. Elas buscam inspiração

Um dos mais comuns hábitos diários de pessoas bem-sucedidas é acompanhar o que acontece no mundo. Empreender, por exemplo, é identificar problemas sem solução e mudar essa realidade, com os seus recursos e habilidades. E para fazer isso é preciso ter olhos atentos ao que acontece por aí, por isso sempre busque inspiração.

Isso pode ocorrer, principalmente, através de pesquisa sobre tendências do mercado, mudanças políticas e até mesmo notícias de celebridades — se for isso que te motiva.

14. Elas fazem o que amam

Fazer o que ama profissionalmente nem sempre é uma possibilidade para a maioria das pessoas, mas se manter preso a algo que não ama não te levará a lugar nenhum, muito menos ao sucesso.

Pessoas que amam o que fazem estão mais dispostas a correr riscos, trabalhar duro e abrir mão das distrações para conseguirem o que querem. Elas não precisam de motivação externa, pois tiram de dentro o melhor de si.

Ser bem-sucedido, de fato, é conseguir realizar os seus objetivos e concretizar sonhos.

No post de hoje reunimos dicas que podem te ajudar a ascender de cargo, mudar o rumo da sua carreira ou abrir um negócio próprio, por exemplo. Mas nós acreditamos que elas podem ser usadas positivamente em qualquer área da sua vida. Desejamos sorte e sucesso nessa jornada!

Calegari Contabilidade

Contabilidade em Saltinho

Empreender te fará rico em Saltinho? Saiba a Verdade!

Grande parte dos empreendedores começa suas empresas questionando se é possível torna-se rico, por isso preparamos este post que explicará a verdade!

Empreender é um dos grandes sonhos dos brasileiros — não é à toa que percebemos um aumento cada vez maior no número de empreendedores. Graças ao perfil profissional que procura trabalhar arduamente e com ideias inovadoras, os negócios de muitos desses aventureiros estão decolando. A consequência disso costuma ser materializada através de excelentes retornos financeiros.

Como exemplo de empreendedores que ficaram ricos por meio de ideias inovadoras, podemos citar nomes como Mark Zuckerber, Steve Jobs e até mesmo a brasileira Luiza Trajano, fundadora do Magazine Luiza. Esses profissionais construíram do zero negócios inteligentes e que os deixaram multibilionários.

Tendo em mente que grande parte dos empreendedores começa suas empresas questionando se é possível torna-se rico, preparamos este artigo para te mostrar a verdadeira situação financeira da maioria dos empreendedores.

A questão salarial

Bem, sabemos que quando se trabalha para alguém, todo mês o salário será de uma quantia certa e determinada, mesmo nos casos que a remuneração é comissionada. Inclusive nos casos em que o funcionário faz horas extras ou vende mais do que sua média mensal, ele nunca conseguirá ter um valor crescente no salário de forma habitual.

Por outro lado, empreender é uma oportunidade de sair do salário fixo e não ficar preso nas remunerações que o mercado determina para sua área de atuação. Aqui, é possível ter a chance de criar o valor da própria empresa, além da oportunidade de fixar os preços do seu produto/serviço.

Partindo dessa ideia, os lucros da empresa passam a compor o próprio salário do empreendedor. Entretanto, não é tão simples essa ideia de ficar rico. Existem barreiras e dificuldades, mas basta saber que através do trabalho duro e da determinação, o caminho para ser rico ficará mais perto com passar do tempo.

Dados do mercado

Uma das principais dúvidas que surgem quando alguém começa a empreender é de quais são as reais possibilidades de ganho ou se vale a pena deixar tudo que conquistou antes de ter se tornado um empreendedor. Pois, sejamos realistas, não é fácil deixar de lado toda sua carreira e salário atuais.

Entretanto, como destacamos anteriormente, são vários os casos de visionários que conseguiram criar empresas do zero e que hoje valem bilhões. Nesse sentido, um estudo realizado pela revista Exame demonstrou que 71,5% dos donos de empreendimentos declaram que a renda média mensal que recuperam de seus negócios é de três salários mínimos — vale lembrar que parte dos rendimentos são aplicados em outras riquezas com, por exemplo, maquinários, produtos e outros bens.

Certamente, essa média de salário não é alta e existem diversas profissões que alcançam remunerações mais atrativas. Apesar disso, o empreendedorismo é um caminho no qual o profissional assume riscos e tem a possibilidade de reinvestir o próprio patrimônio do negócio em prol da elaboração de novos produtos e serviços — abrindo portas para alcançar uma taxa de lucro ainda maior.

Além da riqueza

Vimos que não é nada fácil para um empreendedor se tornar rico — no sentido material. Mas é apenas o dinheiro que conta na hora de abrir uma empresa? Saiba que essa jornada agrega uma série de outros benefícios:

  • Realização: para muitos, empreender é um processo atrelado a realização de um sonho. Começar do nada é uma tarefa para poucos e quem o faz tem uma satisfação de realização enorme, muito mais do que um grande salário no final do mês;
  • Liberdade: ser o próprio chefe, liberdade para criar um produto ou serviço e implementar uma cultura empresarial são benefícios de ser empreendedor. Sem falar da possibilidade de determinar seu próprio horário, podendo, até mesmo, planejar o tempo para a família ou para você mesmo;
  • Experiência: aqui no Sai do Lugar, sempre comentamos que um dos maiores benefícios da vida de empreendedor é a experiência. Testar, avaliar erros/acertos e aprender com eles, às vezes vale muito mais do que o dinheiro;
  • Networking: criar uma rede de contatos pode, muitas vezes, abrir portas para futuros negócios de sucesso, o que te deixará mais perto de se tornar rico. Por isso, o networking pode valer muito mais do que salário no final do mês.

Um passo para se tornar rico em Saltinho

Bem, como destacamos durante esse artigo, o empreendedorismo não é um caminho fácil nem é capaz de oferecer um caminho curto para o sucesso financeiro. Apesar disso, pessoas dedicadas podem encontrar aqui um excelente espaço para desenvolver serviços e produtos que podem fazer grande diferença no mercado — proporcionando, inclusive, ganhos financeiros relevantes.

E, além de ganhos financeiros, empreender te trará inúmeras vantagens não materiais que são a chave para a excelência em qualquer área de atuação. E quando miramos no sucesso, ficar rico será apenas uma consequência do seu caminho.

Resumidamente, o empreendedorismo, por si só, não deixa ninguém rico (caso contrário, todos seriam empreendedores, certo?). De todo modo, se você tem uma boa ideia e está munido de bastante determinação, não hesite em fazer o que gosta!

Fonte: saiadolugar.com.br

Calegari Contabilidade

Contabilidade em Saltinho