post

Passo a passo para que você venha abrir firma em Saltinho com facilidade

Muitos empreendedores acham que apenas ter uma boa ideia em mente é o suficiente para abrir firma em Saltinho, entretanto, ter uma reserva bancária suficientemente apara investir na sua empresa é fundamental.

Caso você tenha vontade em investir no segmento em questão e tenha o investimento financeiro suficiente, alguns demais pontos precisam ser pensados, como: carência do mercado na determinada área, número de clientes em potencial e suas habilidades para lidar com tudo isso e não apenas com o segmento em questão.

Planejamento é a palavra chave para abrir firma em Saltinho, você terá que ter todas as etapas do negócio bem estruturadas para tocar o barco sem amplas preocupações.

Mas, além de toda a questão estratégica, para abrir firma em Saltinho há uma questão burocrática por trás e você precisa estar preparado para passar por esse processo, pois quando se trata da legalização de uma empresa é muito importante que se encaminhe documentos como: alvarás, licenças e embargos junto a órgãos públicos que precisam emitir esses documentos para a legalização da sua empresa junto às juntas comerciais.

Então, se você quer abrir uma firma em Saltinho e não sabe como, fique atento as nossas dicas a seguir.

  • Registro e documentação

Quando você souber o  tipo empresarial que você vai trabalhar (MEI, ME ou LTDA), você terá que constituir a gestão da sua empresa. Esse planejamento passa totalmente pela burocracia, a parte mais chata na abertura da firma em Saltinho.

A parte de burocracia, temos que ser realistas, é um processo cansativo e você não irá conseguir se livrar totalmente dele, Porém, você poderá minimizar esse processo, se você buscar informações dos documentos que precisará, como antecedência, e assim fazer uma preparação prévia e, quando tiver tais documentos em mãos e devidamente organizados, procurar um escritório de contabilidade e de advocacia para ter uma consultoria e tirar todas as dúvidas;

 No processo de registro entrará a questão contratual, já que para a abertura da empresa em Saltinho todas as informações precisam estar detalhadas, isso para que qualquer omissão de informação (seja proposital ou por distração e negligência) possa, num futuro, prejudicar a empresa como um todo.

Então, procure sempre separar aqueles documentos que são sempre usados, como: CPF,RG, documentação do imóvel onde ficará a empresa, com todas as informações da pessoa jurídica e das físicas envolvidas no negócio, tanto do empresário como dos seus sócios. Todos esse documentos, é ideal que esteja com as devidas cópias normais e autenticadas.

Contrato feito, acordado e assinado, é importante que vá para o cartório de pessoa jurídica e a junta comercial da cidade.

  • A abertura de fato

Esta ocorre mediante a dois processos: a abertura da firma em Saltinho através da junta comercial e da Receita Federal.

Na junta, você deverá marcar um horário para que efetive o processo de abertura. Uma questão importante é a de que antes de você possuir essa documentação, você não poderá trabalhar legalmente.

O processo não é feito de um dia para o outro, mas é muito importante para a localização pessoal do empresário. Isso, porque haverá uma fiscalização tanto na documentação quanto na questão física do espaço, entretanto, todas as falhas terão orientação de um determinado profissional especializado.

O último processo após abrir firma [na cidade] junto a junta comercial é fazer a abertura através da Receita Federal. Esse será o momento de você fazer a abertura do seu Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ).

A única forma de você ter o seu CNPJ no momento da inscrição é através do sistema MEI, mas, nesse caso, a sua projeção financeira é mínima em relação as demais e as limitações são eminentes.

Ainda assim, a diferença do processo da junta comercial com a da Receita Federal é que o da receita é totalmente online, diferentemente da junta.