Veja quais os primeiros passos para abrir seu próprio negócio em Saltinho

Abrir um negócio não é tarefa trivial, e não há uma fórmula mágica que garanta o sucesso para empreendedores de primeira viagem.

 

Quais passos devo seguir para abrir o meu primeiro negócio em Saltinho?

 Abrir um negócio não é tarefa trivial. Tampouco há uma fórmula mágica que garanta o sucesso para empreendedores de primeira viagem.

Entretanto, por meio da literatura especializada e da avaliação das diferenças entre experiências bem e mal sucedidas, algumas boas práticas e passos foram identificados. Veja alguns deles:

1. Prepare-se

Abrir e gerenciar uma empresa depende de uma série de conhecimentos em diversas dimensões. O empreendedor precisa saber promover e vender seus produtos. Deve saber organizar as finanças e gerenciar pessoas. Isso sem falar dos conhecimentos técnicos requeridos pelo negócio em si, seja ele preparar comida, desenvolver software ou produzir equipamentos. Saiba mais:Contabilidade para Pequenas e Médias Empresas – Patrocinado

Além dos já tradicionais MBAs, existe uma variada oferta de cursos online, muitos deles gratuitos. Vale a pena procurar e investir tempo na preparação. Entre as opções, vale a pena pesquisar organizações como Coursera, iTunes U, Endeavor e escolas de negócio.

2. Desenvolva um plano de negócios

O próximo passo é a preparação de um plano de negócios. Essa etapa envolve a definição do negócio em si, análises de mercado, escolha de público-alvo, atributos dos produtos e serviços, modelo de receitas, entre outros.

Adicionalmente, o plano de negócios deve conter o planejamento dos recursos necessários e análises financeiras e de investimentos. Trata-se de uma etapa não só de planejamento, mas de essencial aprendizagem sobre o mercado e o negócio em si.

3. Busque recursos

Com o plano em mãos, o empreendedor terá a ciência de quais recursos serão necessários para o negócio funcionar.

Os recursos são os ativos tangíveis (ex. equipamentos, instalações) e intangíveis (ex. pessoas, marca) que devem ser adquiridos ou desenvolvidos na organização.

Para tanto, é necessário também definir a forma de financiamento – ou seja, saber quem vai pagar pelos recursos. Caso não seja o próprio empreendedor, será necessário atrair investidores ou captar dívidas.

Aqui vale uma dica: não se esqueça que o capital de giro também requer investimentos!

4. Coloque o barco na água

Com o empreendedor preparado, plano de negócios desenvolvido e recursos captados (dinheiro, equipe e equipamentos), já está na hora de começar as operações.

A empresa deve ser formalmente registrada (comece essa atividade pelo menos três meses antes e conte com o apoio de um contador ou advogado), uma conta deve ser aberta em nome da empresa e toda a infraestrutura preparada.

Nesse momento, concentre-se em buscar clientes e fornecer a eles a melhor experiência que conseguir. Boa sorte!

Calegari Contabilidade

Contabilidade em Saltinho

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *